domingo, 30 de abril de 2017

Campeões de 2014 recordam da conquista da Série B e do acesso pelo Barra Mansa

Um elenco formado, basicamente, por atletas da cidade e da região. Uma derrota em casa logo na estreia da competição. Desacreditado por muitos. Foi assim que o Barra Mansa Futebol Clube começou sua caminhada rumo ao "sonho" dourado de conquistar a Série B do Campeonato Carioca em 2014 e, enfim, poder disputar a elite do futebol carioca pela primeira vez.

Rafael Laurenço - o destaque do meio-campo e, atualmente, atleta do Macaé - recorda bem sobre esse dilema que os jogadores do Barra Mansa tiveram que conviver e superar: 

"Fazer parte daquela equipe foi um prazer inenarrável, pois fomos um time desacreditado pelos outros clubes e, até mesmo, por parte de algumas pessoas da nossa diretoria. Mas o que nos diferenciava foi que cada jogador acreditava um no outro. Nós sabíamos que podíamos ir mais adiante. Então foi o que aconteceu no primeiro turno: Fomos campeões".

A derrota na estreia, em casa, para o São João da Barra por 1 a 0 não abalou os jogadores do Leão. Mesmo contestado por muitos, o time treinado por Wilson Leite deu a volta por cima e não soube o que é perder no restante do primeiro turno, desbancando os tradicionais Americano, América, Portuguesa e, por fim, o Olaria. Assim, o Barra Mansa conquistou a Taça Santos Dumont e garantiu vaga antecipada para o Triangular Final da Série B.

Artilheiro da campanha (com 10 gols) e hoje no futebol asiático, Jeferson Jesus (o Jefinho) reconhece a importância da conquista da Série B de 2014 para a sua carreira: 

"Eu achei muito importante essa conquista, pois me ajudou muito na minha vida profissional. Eu lembro de muitas coisas boas e fico muito feliz em ter ajudado o Barra Mansa a ser campeão e com o acesso à Serie A. Agradeço o professor Leite e meus companheiros que jogavam comigo".

No dia 11 de junho, o Barra Mansa iniciou a participação no Triangular Final ao empatar em 0 a 0 com o Tigres. Na segunda rodada, o Leão se recuperou com uma vitória fora de casa – 2 a 1 no Barra da Tijuca. No jogo seguinte, em 25 de junho, no estádio Los Larios, em Xerém, o time barramansense venceu o Tigres por 2 a 1 (gols de Bahia e Kaike) e conquistou, de forma antecipada, o título de campeão da Série B e, claro, o acesso para a disputa da Série A do estadual em 2015. Para cumprir tabela, o Barra Mansa ainda venceu o Barra da Tijuca por 2 a 0, diante de um estádio lotado que presenciou os jogadores do Leão do Sul levantarem o troféu de campeão.

Outro atleta importante da conquista foi o ala/meia Vitinho - que disputou recentemente a Série A2 do Paulista pelo Barretos. Ele também lembra com carinho da campanha do Barra Mansa na Série B de 2014:

"O que mais lembro de positivo nessa conquista é a união do grupo que foi o fator crucial do nosso acesso. Eu também vou sempre lembrar da cidade, da torcida e todos os amigos que fiz em Barra Mansa".

Audren - volante da equipe titular de 2014 - lembrou o que era especial naquele time:

"Naquele ano de 2014, pude marcar um gol no Triangular Final, que colocou o Barra Mansa na briga do acesso. Foi uma campanha de muito trabalho, em que a equipe era aguerrida. Todos sabiam o limite de cada um. Mas o que prevaleceu foi o espírito de grupo. Não tinha estrela na equipe, por isso que todos os atletas entravam em campo determinados. Esse grupo que era fechado fez uma grande campanha, que muitos não acreditavam, mas fomos felizes e colocamos o Barra Mansa na primeira divisão".

Para Rafael Laurenço foi uma conquista ainda mais especial:

"Para mim, particularmente, foi excepcional, pois já tinha um outro acesso pelo Barra Mansa - o da Série C para a Série B (em 2010). Foi tudo maravilhoso e, hoje, torço muito pelo Barra Mansa. Sou torcedor do clube e torço pra que volte logo pra a elite".

O Barra Mansa está no Grupo A da Série B1 do Campeonato Carioca. A estreia na competição será contra o Itaboraí, no dia 13 de maio, com o mando de campo do Leão do Sul.

#oleaoestavivo

Juniores do Barra Mansa goleiam Porto Real em jogo-treino

No último sábado (29 de abril), o time sub 20 do Barra Mansa Futebol Clube realizou mais um jogo-treino no estádio Leão do Sul, na Colônia Santo Antônio. A equipe barramansense enfrentou o Porto Real, da cidade vizinha, e venceu por 4 a 0.

Os juniores do Barra Mansa foram superiores durante praticamente toda a partida. Aos 35 minutos do primeiro-tempo, o volante Zureia inaugurou o marcador para o Leão. No segundo-tempo, Matheus Oliveira (aos 25), o volante Ceará (aos 30, de pênalti) e Rafael Duarte (aos 38) fecharam o placar em 4 a 0 para o time barramansense.

O Barra Mansa estreia na Série B1 do Campeonato Carioca (sub 20) no dia 13 de maio, contra o Itaboraí. A partida deverá ser no estádio Leão do Sul.

sábado, 29 de abril de 2017

Barra Mansa vence juniores do Voltaço em mais um teste visando Série B1

Na manhã deste sábado (29 de abril), o Barra Mansa Futebol Clube realizou mais um jogo-treino de preparação para a disputa da Série B1 do Campeonato Carioca. Jogando no estádio Leão do Sul, a equipe barramansense derrotou os juniores do Voltaço pelo placar de 3 a 1, com dois gols do atacante Kaíke e um do meia Rodriguinho.

Após o teste de hoje, o auxiliar técnico Luiz Fernando Irala comentou sobre a evolução do time que vem treinando no Leão do Sul: "Foi um jogo difícil, mas a equipe conseguiu apresentar um bom volume de jogo e conseguiu um bom resultado. Mas ainda está longe do ideal. Aos poucos vai se montando uma equipe competitiva".

O Barra Mansa está no Grupo A da Série B1 do Campeonato Carioca. A estreia na competição será contra o Itaboraí, no dia 13 de maio, com o mando de campo do Leão do Sul.

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Autor do gol da vitória, Elielton fala sobre sua atuação no jogo-treino

Preparando-se para a disputa da Série B1 do Campeonato Carioca, o Barra Mansa realizou um jogo-treino contra os juniores do Fluminense na manhã desta quinta-feira (27 de abril). O Leão do Sul venceu o teste por 2 a 1, em Xerém.

Autor do gol decisivo, o atacante Elielton falou sobre sua atuação na partida e sobre o lance que ele protagonizou, que resultou no pênalti a favor do Barra Mansa:

"Tivemos um bom jogo-treino. Tive a oportunidade de mostrar uma boa atuação ao novo professor Gilberto. No segundo tempo, entrei muito bem e, depois de um belo chute do Marquinhos, o goleiro rebateu a bola e fui correndo conseguindo pegar antes que o goleiro chegasse na bola. Aí, como ele chegou atrasado, fez o pênalti em mim. Eu mesmo bati o pênalti e fiz o gol da vitória".

O Barra Mansa está no Grupo A da Série B1 do Campeonato Carioca junto com América, Americano, Audax Rio, Barcelona, Carapebus, Itaboraí, Olaria, Queimados, Sampaio Corrêa e Serra Macaense. A estreia será contra o Itaboraí, no dia 13 de maio, em casa.

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Barra Mansa vence juniores do Fluminense em jogo-treino

Na manhã desta quinta-feira (27 de abril), o Barra Mansa Futebol Clube realizou o seu primeiro jogo-treino sob o comando técnico de Gilberto Pereira. O adversário foi a equipe júnior do Fluminense em teste ocorrido no Centro de Treinamento do Fluminense, em Xerém, distrito de Duque de Caxias.

O Barra Mansa abriu o marcador logo aos 5 minutos com gol de Bruno. Ainda no primeiro tempo, aos 30 minutos, o Fluminense empatou ao lançar uma bola na área e desviar no atleta Gustavo, do Barra Mansa, e entrar para o gol.

No segundo tempo, o Leão do Sul demonstrou mais superioridade na posse de bola e conseguiu chegar ao seu segundo gol com Elielton cobrando pênalti.

O Barra Mansa estreia na Série B1 do Campeonato Carioca no dia 13 de maio, contra o Itaboraí. A partida está marcada para o Leão do Sul, mas o estádio ainda depende de laudos técnicos para a liberação.

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Barra Mansa terá amistoso contra os juniores do Fluminense nesta quinta-feira

A equipe do Barra Mansa terá um grande desafio pela frente na sua pré-temporada visando o começo do Carioca da Série B1. Nesta quinta-feira (27), o Leão irá enfrentar o Sub-20 do Fluminense. O jogo será realizado no CT do Flu, em Xerém, às 10 da manhã.

Será o primeiro compromisso do técnico Gilberto Pereira no comando da equipe do Sul Fluminense. O treinador vem trabalhando apenas 11 dias desde a sua chegada e conta com o apoio do ex-treinador Luis Fernando Irala que iniciou os trabalhos há um mês e meio com uma equipe que manteve a base do ano passado.

Até aqui, o Barra Mansa realizou dois jogos-treino e saiu com a vitória (TKO Soccer por 3 a 0 e o Guarani de Volta Redonda, por 1 a 0). A estreia está prevista para o dia 13 de maio na Série B1 do Campeonato Carioca contra o Itaboraí.

Fonte: radioesportemetropolitano.com
Escrito por Weliton Labarra

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Loucos pelo Barra Mansa, torcedores explicam a paixão pelo clube da cidade

Um amor sem medida, que vagueia entre o limite da emoção e da razão. Afinal, como explicar a paixão dos torcedores pelo Barra Mansa Futebol Clube? O Blog do Barra Mansa FC buscou vários torcedores barramansenses, de diferentes faixas etárias, para tentar entender esse sentimento pelo Leão do Sul.

Começamos pelo jovem Gustavo Ribas, de 13 anos, torcedor e estudioso sobre o futebol barramansense, administrador de vários blogs sobre o tema:

"Certo dia, eu tinha uns 7 anos, e perguntei para o meu pai se tinha algum time profissional em Barra Mansa. Aí, ele disse que sabia do Barra Mansa e do Barbará. Conheci o Barra Mansa e senti que torcer para o Barra Mansa era muito empolgante. Acho que as pessoas deveriam dar mais valor ao clube que representa nossa cidade".

Já Carlos Alberto de Carvalho, de 52 anos, é outro torcedor barramansense, sempre atento e crítico a respeito das novidades do clube:

"Acho que os torcedores do Barra Mansa são diferentes de todos os clubes de outras cidades. O torcedor do Barra Mansa tem o time no sangue, no coração, na alma. Está na raiz do barramansense o jeito de torcer pelo Barra Mansa Futebol Clube".

Renniêr Guimarães, de 29 anos, é presidente da torcida Mancha Azul e vivenciou cada momento especial durante os jogos que resultaram na conquista da Série B em 2014 e na participação na série A em 2015:

"A conquista da série B foi coisa de louco, né? Fomos pra Xerém com dois ônibus e fizemos a festa lá. Na Série A, fomos o time de menor investimento que mais colocava torcida, apesar de jogar em outra cidade. Íamos nos jogos no Rio. Foi uma experiência fora do comum. Quem torce pelo Barra Mansa é apaixonado mesmo".

Audren é um dos atletas do Barra Mansa que participou desse período entre 2014 e 2015 e sentiu, de dentro do campo, toda a força que a torcida barramansense transmite das arquibancadas:

"O Barra Mansa sempre foi empurrado pela sua torcida. A torcida do Barra Mansa joga junto com o time. Pra mim, é a melhor torcida dos times de menor investimento porque os caras apoiam o tempo todo. E, muitas das vezes, o time cansando e exausto, a torcida conseguia dar um gás pra equipe. Eles foram a grande motivação do acesso em 2014".

domingo, 23 de abril de 2017

"A prioridade é liberar o Leão do Sul", afirma o vice-presidente do Barra Mansa

No mesmo dia da apresentação de Gilberto Pereira como treinador do Barra Mansa, o vice-presidente Ezequia de Oliveira foi entrevistado pelo repórter José Roberto Mendonça (da Rádio Comércio) e explicou detalhes sobre a situação da liberação do estádio Leão do Sul, na Colônia Santo Antônio.

"A prioridade hoje é liberar o Leão do Sul... Eu quero dizer para a torcida barramansense que o trabalho não está sendo fácil, mas vamos conseguir liberar o estádio. Já vamos mudar a parte elétrica, já vai começar o trabalho de alvenaria nos vestiários, uma parte que a Polícia Militar nos exigiu para que possa se adequar às medidas da federação".

Perguntado sobre quais reformas exatamente estão sendo necessárias, Oliveira respondeu:

"Vai ter que ter uma portaria para a torcida adversária, é uma exigência da PM. Vamos ter que fazer uma pavimentação onde tem uns pedregulhos. Então a gente vai solucionar esses problemas e, acredito que, com isso, vamos liberar o Leão do Sul para ser o nosso décimo segundo jogador do Barra Mansa".

Sobre a separação das torcidas local e visitante nas arquibancadas, uma exigência antiga da Polícia Militar, Oliveira esclareceu o seguinte:

"Estamos contratando uma empresa que vai fazer a separação da dependência de outras torcidas. Amanhã, ela já estará no estádio fazendo o orçamento e na próxima segunda-feira já começará a fazer esse isolamento".

O Barra Mansa estreia na Série B1 do Campeonato Carioca no dia 13 de maio, contra o Itaboraí. A partida está marcada para o Leão do Sul, mas o estádio ainda depende de laudos técnicos para a liberação.

sábado, 22 de abril de 2017

Base do Barra Mansa anuncia parceria com AA Beira Rio, da Vila Maria

Na manhã deste sábado (22 de abril), o diretor de futebol do Barra Mansa Futebol Clube - Alexandre Freitas - anunciou uma parceria com a Associação Atlética Beira Rio, para o uso do campo da Vila Maria.

"Fechamos uma importante parceria com a Associação Atlética Beira Rio para a categoria de base. Todos os treinos de preparação para a disputa do Campeonato Carioca serão no campo da Vila Maria", explicou Alexandre Freitas.

As equipes sub 15 e sub 17 treinarão no campo da Vila Maria de terça-feira a sexta-feira, das 13h às 17h. Já as equipes sub 13 e sub 14 continuarão treinando no campo dos Sindicatos Bancários, na Colônia Santo Antônio.

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Barra Mansa: sub 14 e sub 15 vencem Atlético Rio em amistosos da base

Equipe infantil
Nesta sexta-feira (21 de abril), as equipes infantil (sub 14), infantil (sub 15) e juvenil (sub 17) realizaram jogos amistosos contra os times do Atlético Rio, de Volta Redonda. As partidas ocorreram no Centro de Treinamento do Aeroclube, na Cidade do Aço.

As duas equipes infantis conseguiram superar seus adversários voltarredondenses. O sub 14 venceu por 3 a 1 e o sub 15 ganhou de 2 a 1. Já a equipe juvenil foi superada pelo Atlético Rio pelo placar de 3 a 2.

A equipe sub 13 vem se preparando para a disputa do Campeonato Metropolitano e os garotos do sub 17 estão se aprontando para o Campeonato Carioca da Série B1. O Barra Mansa ainda participará do Campeonato Metropolitano sub 14.
Equipe infantil (sub 14)

Campeões de 95 lembram da primeira conquista do Barra Mansa na 2ª Divisão do Carioca

Equipe do Barra Mansa que foi campeã de 1995
O dia 16 de março de 1995 ficará marcado eternamente na trajetória centenária do Barra Mansa Futebol Clube, quando conquistou o seu título mais heroico, o de campeão do Módulo Intermediário do Campeonato Carioca, correspondente à divisão de acesso à elite na época.

A competição, em pontos corridos, foi equilibrada do início ao fim, de modo que quatro equipes chegaram na última rodada com chances de ser campeão. Além disso, essas mesmas equipes se cruzariam nos seguintes confrontos: Nova Iguaçu x Barra Mansa e Bayer x Bonsucesso.

Antes da rodada decisiva, o Leão do Sul era apenas o terceiro colocado e precisava vencer o seu jogo fora de casa e ainda torcer para um tropeço do Bonsucesso contra o time de Belford Roxo.

O meia Alexandre "Palhinha" lembra de um drama pessoal que viveu nesse período: "Depois que perdemos para o Bonsucesso, eles comemoravam como se fossem campeões. Na semana do jogo decisivo, minha mãe sofreu um acidente automobilístico e ficou entre a vida e a morte. Quando fui vê-la, decidi não jogar. Mas ela falou que eu podia jogar. Isso me deu força e joguei como nunca. Dediquei-me tanto que, no final do jogo, não conseguia ficar em pé, com tanta cãibra".

E para a alegria dos cerca de 100 torcedores barramansenses que compareceram ao estádio Louzadão, em Mesquita, o Barra Mansa venceu o Nova Iguaçu, com gol de Luiz Fernando Irala aos 44 minutos do primeiro tempo. Um jogo emocionante e, ainda, acrescido ao calor da baixada fluminense e dos torcedores presentes apoiando o time local.

O autor do gol decisivo - Luiz Fernando Irala - também lembra com carinho dessa partida decisiva: "Foi um dia especial onde a equipe estava concentrada com um único objetivo de levar o Barra Mansa para a Primeira Divisão. Mostramos que não estávamos na equipe simplesmente para mais uma temporada e sim para fazer história. Graças a Deus fui coroado com o gol do título".

No outro jogo, vitória do Bayer, que conquistou o vice-campeonato e, com isso, deveria ter subido para a divisão de elite do carioca no ano seguinte, juntamente com o Barra Mansa (campeão), mas, devido a arbitrariedades da federação, o acesso dos dois clubes foi negado.

Sobre essa temporada vitoriosa do Leão do Sul, o zagueiro Anderson "Vassouras" - capitão do time de 1995 -, lembrou: “Tenho muitas saudades da época, dos amigos, dos torcedores. Aprendi muito com as dificuldades do meu tempo de atleta profissional”.

Clique para ver a campanha do título (14 jogos, 8 vitórias, 3 empates e 3 derrotas)

Na foto acima, da esquerda para a direita e de cima pra baixo:, todos os heróis do título:
1ª fila – Adriano, Anderson "Vassouras", Dão, Naldo, Fabiano; 2ª fila – Brito, D´Alessandro, André Mineiro, Ernani, Nil; 3ª fila – Vicente (massagista), jogador dos juniores, Telmo e Geraldo Sá (dirigente); 4ª fila - Waltair dos Santos (Cafu – prep. físico), Geraldo Bruno (dirigente), Wilson Leite (técnico), Juarez, João Lino, Renato, Ricardo Todynho, Tatu, Itamar (roupeiro), Luis Cláudio (auxiliar técnico) e Celso dos Prazeres (presidente); 5ª fila – Alberto "Broinha", Luiz Fernando, Luciano Peixe, Rubinho, Juninho e Palhinha. Não consta na foto o goleiro titular Flávio.

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Vice-presidente do Barra Mansa explica detalhes sobre a escolha do novo treinador

Após a apresentação de Gilberto Pereira para o comando do Barra Mansa, o vice-presidente Ezequia de Oliveira foi entrevistado pelo repórter José Roberto Mendonça (da Rádio Comércio) e esclareceu detalhes sobre como foi a contratação do novo treinador.

"Eu trouxe o Gilberto Pereira junto com a diretoria e o presidente Andrinho para agregar ao Barra Mansa, para que o clube chegue mais forte para a disputa da Série B1 e possa almejar o acesso. Então a vinda dele, junto com Luiz Fernando Irala, vai ajudar muito o Barra Mansa".

Sobre como conseguiu convencer um treinador com tanta experiência como o Gilberto Pereira a aceitar trabalhar no Leão do Sul, Oliveira explicou:

"Eu conheço o Gilberto Pereira há 10 anos. Ele já trabalhou comigo, foi campeão comigo no Matsubara numa excursão que nós estivemos na Ásia em 2007. É um treinador que vai ajudar muito o Barra Mansa".

Sobre o fato de ser a primeira vez de Gilberto Pereira trabalhando no futebol do estado do Rio de Janeiro, Oliveira respondeu o seguinte:

"É a primeira vez... (que ele trabalha no futebol fluminense). Eu o convenci a vestir este projeto de um clube centenário como o Barra Mansa. Ele tinha outras propostas, mas a amizade contou muito para que eu o convencesse a assumir o compromisso com o Barra Mansa".

O novo treinador deve começar os treinos na próxima segunda-feira (24 de abril). O Barra Mansa estreia na Série B1 do Campeonato Carioca no dia 13 de maio, contra o Itaboraí. A partida está marcada para o Leão do Sul, mas o estádio ainda depende de laudos técnicos para a liberação.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Gilberto Pereira é apresentado pra comandar o Leão na temporada 2017.

Na quarta-feira, dia 19 de abril o Barra Mansa Futebol Clube deu um importante passo para o início da campanha da série B1 do Carioca, o técnico Gilberto Pereira foi apresentado pela diretoria.

Ele participou de uma entrevista coletiva e falou sobre o trabalho que vai desenvolver à frente do clube.

Gilberto afirmou que tinha várias propostas para seguir trabalhando mas decidiu investir nele mesmo ao aceitar a oferta do Leão do Sul, segundo o treinador trabalhar no futebol carioca é uma honra e fazer um bom trabalho a frente do Barra Mansa pode abrir as portas pra qualquer grande clube.

— É uma cidade que tem um prazer muito grande com o futebol. Isso aumenta a responsabilidade, porque time de cidade onde há um prazer acima do normal, que é a vaidade com o futebol, se torna muito mais exigente. E a gente tá preparado para essa exigências. Espero contribuir muito. Tô vindo pra cá com a convicação de que as coisas podem dar certo - disse o treinador.

O treinador disse ainda que já assistiu um treino do Leão há 15 dias e que, inclusive, pediu a diretoria do clube a contratação de alguns atletas pra reforçar a equipe. O Barra Mansa conta hoje com 19 atletas no time principal, a idéia é que pelo menos mais 10 sejam incorporados ao elenco, os jogadores que já estão treinando desde o início do mês serão reavaliados pelo treinador.

Gilberto é Paulista, mas começou a carreira no Iraty do Paraná, o trabalho mais notório foi à frente do Atlético Goianiense. O Treinador foi integrante da comissão técnica permanente do time Goiano por 3 anos, e assumiu o cargo de treinador após fracassos de outros treinadores renomados, como Waldemar Lemos, René Simões e PC Gusmão. Em 2013 ajudou a livrar o clube do rebaixamento na Série B do Brasileirão.

Gilberto tem contrato até o domingo, dia 23 de abril, com o Votuporanguense, e na segunda, logo após a última partida pelo clube paulista, ele começa o trabalho no Barra Mansa FC. Gilberto já dirigiu equipes como Coritiba, CSA, Palmeiras B, Chapecoense, Crac, Londrina, Iraty, Cianorte, Cascavel, Caldas Novas, e Puntarenas, da Costa Rica.

Luiz Fernando Irala, que vinha treinando a equipe profissional continua no clube, segundo o Presidente Anderson Florentino, a identificação de Irala com o time e a torcida podem fazer a diferença no trabalho. Luiz Fernando será auxiliar técnico de Gilberto Pereira.

E por falar em torcida, questionado sobre o que espera do primeiro contato com a apaixonada torcida do Barra Mansa, Gilberto afirmou que conta com o apoio dos torcedores e que o trabalho só dá certo quando existe confiança entre as partes, ele espera que o apoio venha da arquibancada e que dentro de campo ele, a comissão técnica e os jogadores farão de tudo pra honrar a camisa do Leão do Sul.

A Série B1 do Campeonato Carioca começa no dia 12 de maio, com a primeira rodada da Taça Santos Dumont. No primeiro turno, os clubes estão divididos em dois grupos, e enfrentam as equipes da mesma chave. Os dois melhores avançam para as semifinais. Na Taça Corcovado, os times de um grupo encaram os do outro.

A Série B1 conta com a participação de 21 equipes — 19 pertencentes à divisão, além de Campos e Tigres, os dois rebaixados da elite do futebol carioca nesta temporada.

O Barra Mansa estréia dia 13 contra o Itaboraí em local ainda a ser definido.

Fonte: Fan Page Oficial do BMFC

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Barra Mansa anuncia técnico com experiência em Série B do Campeonato Brasileiro

A diretoria do Barra Mansa confirmou que deve apresentar o nome de Gilberto Pereira para assumir a equipe que disputará a Série B1 do Campeonato Carioca.

O treinador, de 51 anos, será apresentado nesta quarta-feira (19 de abril) e iniciará os trabalhos de treinamento no Leão do Sul na próxima semana, após concluir seu último compromisso pelo Votuporanguense, da Série A2 do Campeonato Paulista.

No currículo como treinador, Gilberto Pereira tem experiência em competições nacionais comandando o Atlético Goianiense na Série B do Campeonato Brasileiro e ainda treinou Coritiba, CSA, Palmeiras B, Chapecoense, Crac, Londrina, Iraty, Cianorte, Cascavel, Caldas Novas e Puntarenas (Costa Rica).

Já Luiz Fernando Irala, que estava à frente dos treinamentos no Leão do Sul desde o mês de janeiro, comandando também os jogos-treinos, será aproveitado para a função de auxiliar-técnico.

Pela primeira rodada da Série B1 do Campeonato Carioca, o Barra Mansa fará sua estreia contra a equipe do Itaboraí, no dia 13 de maio, com mando de campo ainda a ser definido.

domingo, 16 de abril de 2017

Barra Mansa fecha parcerias com Açougue da Família e Millenium Academia

O feriado prolongado foi positivo para o Barra Mansa Futebol Clube. Na sexta-feira (14 de abril), a diretoria do clube anunciou parceria com a Millenium Academia e, neste domingo (16 de abril), foi revelado o Açougue da Família como patrocínio.

Sobre a parceria com a Millenium Academia, o diretor Renan Silveira publicou que será importante porque "os nossos profissionais poderão realizar seus exercícios de fortalecimento e estabilização das articulações, reduzindo assim ainda mais os riscos de lesão e levando nosso Leão do Sul rumo à Série A".

Quanto ao patrocínio do Açougue da Família, Lincoln Aguiar - gerente de relações públicas - comentou o seguinte:  "É com muito orgulho que apresento mais um patrocinador e parceiro para nosso projeto de reestruturação do Barra Mansa. Obrigado ao amigo Thiago Lopes pela confiança em nosso trabalho e por acreditar em nosso projeto".

Até o momento, os dirigentes do Barra Mansa já anunciaram quatro parcerias para a atual temporada. Além das duas mencionadas acima, também são parceiros o Centro de Especialidades Médicas MedVale e a empresa de material esportivo Bonano. 

sábado, 15 de abril de 2017

Dez motivos para você se orgulhar de torcer pelo Barra Mansa!

Mais de 108 anos de história, inúmeras conquistas e uma paixão chamada Barra Mansa Futebol Clube - o "Leão do Sul". O que leva um barramansense a torcer pelo clube de sua cidade? Confira abaixo 10 motivos que justificam ser Barra Mansa de coração:

1. é o primeiro clube de futebol da região sul fluminense (fundado em 1908);

2. é o clube pioneiro do futebol profissional na região sul fluminense e co-fundador do "I Campeonato Fluminense de Profissionais" (em 1951);

3. é o verdadeiro e o único campeão estadual do Rio de Janeiro do ano de 1953, uma vez que o campeão carioca desse mesmo ano foi, na prática, apenas campeão municipal, quando o Campeonato Carioca só aceitava equipes da capital;

4. é o primeiro clube da região sul fluminense a disputar uma competição nacional organizada oficialmente pela CBD (Confederação Brasileira de Desportos) - o "Torneio Centro-Sul" (em 1969);

5. foi duas vezes campeão carioca da Série B (1995 e 2014);

6. foi seis vezes campeão profissional do Vale do Paraíba (1953, 1956, 1958, 1965, 1967 e 1968);

7. foi clube da juventude de Jair da Rosa Pinto - camisa 10 da Seleção Brasileira na Copa do Mundo de 1950;

8. foi clube da juventude de Orlando Rosa Pinto - autor do gol na partida que deu o título de Campeão Carioca de 1934 ao Vasco da Gama; 

9. foi clube da juventude de vários atletas que seguiram para grandes clubes do Brasil e do mundo, tais como: Amadeu (Vasco), Antônio (Vasco), Orlando (Vasco e Seleção Brasileira), Anatole (Bangu), Jair (Flamengo, Santos, Palmeiras, São Paulo e Seleção Brasileira), Joãozinho (Vasco e América), Canário (Vasco), Aladim (Bangu e Corinthians), Tarugo (Vasco e Atlético Mineiro), Sandro Magrão (Fluminense) e Dalbert (Flamengo e, atualmente, no Nice da França);  

10. foi o clube que teve o maior público como mandante em jogos entre equipes de menor investimento no Campeonato Carioca nos últimos 10 anos - 7.090 presentes na partida Barra Mansa x Volta Redonda (em 31/1/2015).

Por Diogo de Oliveira Paula

Categoria de Base do Barra Mansa conquista bons resultados na cidade de Rio Claro

Equipe sub 13
Na manhã deste sábado (15 de abril), as categorias mirim, infantil e juvenil do Barra Mansa Futebol Clube entraram em campo para uma série de amistosos contra a Seleção da Liga Rioclarense de Desportos, na cidade vizinha de Rio Claro.

No confronto entre as equipes do infantil (até 15 anos), o que se viu foi um espetáculo dos garotos do Leão do Sul, que impuseram uma sonora goleada de 4 a 0 sobre os selecionados da cidade de Rio Claro.

Nos demais jogos do sábado, a equipe mirim (até 13 anos) também saiu vitoriosa ao vencer por 4 a 1 o seu adversário e, por fim, o time juvenil (até 17 anos) empatou em 0 a 0.

A equipe sub 13 vem se preparando para a disputa do Campeonato Metropolitano e os garotos do sub 17 estão se aprontando para o Campeonato Carioca da Série B1. O Barra Mansa ainda participará do Campeonato Metropolitano sub 14, cujo o arbitral será na próxima quarta-feira (19 de abril).
Equipe sub 17

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Categorias de base do Barra Mansa realizam jogos contra Seleção de Rio Claro

No próximo sábado (15 de abril), as equipes das categorias sub 13, sub 15 e sub 17 do Barra Mansa Futebol Clube vão à cidade vizinha de Rio Claro para partidas amistosas contra elencos da Seleção da Liga Rioclarense de Desportos, no Estádio Municipal de Rio Claro.

Os elencos da base do Leão do Sul são treinados por Marcelo Lourenço (sub 13), Péricles (sub 15) e Carlos Henrique "Kit" (sub 17) e já vêm realizando amistosos nas últimas semanas, quando enfrentaram equipes de Lambari (de Minas Gerais), Profute (de Itaboraí), ArtSul (de Nova Iguaçu) e Seleção da LBD (de Barra Mansa).

A equipe sub 13 vem se preparando para a disputa do Campeonato Metropolitano, assim como parte do elenco do sub 15, que poderá ser aproveitada para a mesma competição, mas na categoria sub 14. Já a equipe sub 17 está se preparando para o Campeonato Carioca da Série B1.

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Barra Mansa confirma participação no Campeonato Metropolitano sub 13 e sub 14

O diretor da base do Barra Mansa Futebol Clube - Alexandre Freitas - confirmou participação das equipes mirim (sub 13) e infantil (sub 14) para a disputa do Campeonato Metropolitano das respectivas categorias.

O Campeonato Metropolitano é uma competição organizada pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro e tem como finalidade promover o intercâmbio de jovens atletas nas faixas etárias de 11 a 14 anos, através da prática esportiva de futebol.

Dirigida pelo técnico Marcelo Lourenço, a equipe sub 13 do Leão do Sul vem se preparando desde janeiro e já realizou vários amistosos até então: empate em 1 a 1 com o Profute Itaboraí; e vitórias de 7 a 1 sobre Lambari/MG e 4 a 0 contra o ArtSul de Nova Iguaçu.

terça-feira, 11 de abril de 2017

Vice-presidente de futebol do Barra Mansa fala sobre a montagem do elenco para a Série B1

A torcida do Barra Mansa segue ansiosa quando o assunto é montagem do elenco do clube para a disputa do Campeonato Carioca da Série B1. No último domingo (9 de abril), o vice-presidente do clube - Ezequia de Oliveira - esclareceu algumas dúvidas no programa "Tô Na Área", da Band.

Sobre novidades que poderão surgir no Leão do Sul, Oliveira respondeu:

"Está sendo feita uma parceria com o Fluminense, que vai nos ceder alguns jogadores. Alguns jogadores eu tenho já alinhavados. Estou esperando o término do campeonato da primeira divisão do Rio e da Série A2 em São Paulo, pois nós temos algumas parcerias em São Paulo".

O dirigente ainda falou da importância de contar com atletas vindos da categoria de base do clube e da região sul fluminense:

"O mais importante disso tudo é que vamos contar com a prata da casa, jogadores daqui da nossa região, para que tenhamos apoio da torcida barramansense".

A estreia do Barra Mansa na Série B1 do campeonato estadual será no dia 13 de maio, contra o Itaboraí, em casa.

sábado, 8 de abril de 2017

Há dois anos, na Série A, Barra Mansa escapava (dentro de campo) do rebaixamento

No dia 8 de abril de 2015, o Barra Mansa empatava com o Tigres Brasil em 1 a 1 pela última rodada da Série A do Campeonato Carioca daquele ano e conquistava (dentro de campo) o direito de se manter na elite da competição. Após um escanteio curto, Nandinho driblou o zagueiro e cruzou para Hudson, que ajeitou de cabeça para o próprio Nandinho marcar.

No entanto, o destino do Barra Mansa só seria definido meses depois e, da pior maneira possível: dentro de um Tribunal de Justiça Desportiva e longe de um campo de futebol. O clube havia sido denunciado pela equipe do Nova Iguaçu por causa de uma suposta escalação irregular de dois jogadores nas primeiras rodadas do campeonato.

O zagueiro Rômulo teria participado de sete jogos, e o lateral-direito Wesley de um, sem que os nomes deles estivessem na "Lista de Inscritos" — apesar de constarem no Boletim Informativo de Registro de Atletas (Bira). A tal "Lista de Inscritos" foi criada naquele ano pela FERJ e abandonada no ano seguinte por ser desnecessária, senão para inibir equipes como o Flamengo de incluir mais atletas a fim de escalar equipes reservas durante a competição.

No dia 6 de abril, o TJD-RJ puniu o Barra Mansa com a perda de 15 pontos. A decisão decretou o rebaixamento para a Série B, já que o clube, que terminou na 14ª colocação (uma acima da zona de rebaixamento), com 9 pontos, foi a -6 e caiu para o último lugar.

O Barra Mansa até chegou a recorrer ao Pleno do TJD-RJ, mas a punição foi mantida por considerar a alegação improcedente. Até o STJD deu parecer desfavorável ao Leão do Sul colocando ponto final na discussão sobre o rebaixamento, já que o clube não tinha mais direito de recorrer.

Esse episódio, com certeza, foi mais um exemplo de derrota de goleada contra o futebol disputado dentro de campo, diante de torcedores apaixonados nas arquibancadas.

E o Nova Iguaçu? - que denunciou o Barra Mansa a fim de levar vantagem no tapetão? Nada se beneficiou da situação, porque terminou a competição na zona de rebaixamento e também foi rebaixado para a Série B.

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Barra Mansa confirma participação no Carioca B1/B2 no sub 15 e sub 17

Na última quarta-feira (5 de abril), o Departamento de Registros do Barra Mansa Futebol Clube enviou à FERJ a resposta de confirmação da participação das equipes infantil (sub 15) e juvenil (sub 17) para a disputa do Campeonato Carioca Série B1/B2 das respectivas categorias.

A informação foi transmitida pelo diretor da base do Barra Mansa - Alexandre Freitas - que vem coordenando os projetos das equipes sub 13, sub 15 e sub 17 do clube desde o mês de janeiro, quando foram iniciados os trabalhos.

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Juvenil e Infantil do Barra Mansa enfrentaram a Seleção da LBD

Na tarde desta quinta-feira (6 de abril), os atletas do juvenil (até 17 anos) e infantil (até 15 anos) do Barra Mansa Futebol Clube entraram em campo contra equipes da Seleção da LBD (Liga Barramansense de Desportos).

As partidas foram realizadas no estádio João Chiesse Filho, no bairro Vila Nova. Pela categoria sub 15, o Leão do Sul foi superior e venceu por 2 a 0 a Seleção da LBD. Já pelo sub 17, a partida foi mais equilibrada e o placar não saiu do 0 a 0.

terça-feira, 4 de abril de 2017

Há 25 anos, Barra Mansa inaugurava seu estádio Leão do Sul

Na tarde de domingo de 5 de abril de 1992, o Barra Mansa Futebol Clube entrava em campo no estádio que, enfim, podia chamar de sua casa. O Leão do Sul, na Colônia Santo Antônio, era inaugurado após longos anos de disputas políticas na câmara dos vereadores e de obras intermináveis.

A partida era válida pela segunda rodada da Copa Rio e o adversário era o Mesquita. O Barra Mansa cumpriu bem com o "dever de casa" e venceu a equipe da baixada por 2 a 1, com gols de Isaías e Josimar, enchendo de orgulho os mais de mil torcedores presentes na nova casa.

A alcunha "Leão do Sul" foi herdada do antigo estádio - Esperidião Geraidine -, que foi a casa do Barra Mansa por 66 anos, de 1917 a 1983, e ficava no centro da cidade, atrás da Santa Casa.

# Abaixo, segue um breve histórico do Estádio Leão do Sul:
- Em outubro de 1983, o Barra Mansa FC obteve, na câmara dos vereadores, o empréstimo do terreno na Colônia Santo Antônio para a construção do novo estádio.
- Em 1985, com a presença de várias autoridades, é lançada a pedra fundamental e, graças a doações de empresários e venda de títulos de sócios-proprietários, conseguiu-se agilizar as obras para a conclusão do estádio, o que durou mais de 6 anos.
- Apenas em 1992, o Leão do Sul teve a sua nova toca pronta.

# Ficha técnica e foto do jogo de inauguração no Leão do Sul:
5 de abril de 1992
Barra Mansa 2x1 Mesquita
Local: Colônia Santo Antônio (Leão do Sul)
Gols: Isaías e Josimar
Barra Mansa: Haroldo; Almir, Ernani (Fábio), Paulo Ramos e Juarez; Oliveira, Isaías e Leco; Josimar, Deca e Kley. Técnico Jorge Ferreira.
Time da inauguração do estádio da Colônia

domingo, 2 de abril de 2017

Categorias de base do Barra Mansa realizam avaliações físicas

No último sábado (1º de abril), os atletas de todas as categorias de base do Barra Mansa Futebol Clube (do sub 13 ao sub 20) realizaram testes físicos sob a orientação do novo departamento fisiológico e científico do clube.

Foram realizadas as seguintes avaliações: somatotipia, percentual de gordura, massa magra, estágio maturacional, força de membro inferior na plataforma de carga, força relativa, massa corpórea, estatura, diâmetro de fêmur, diâmetro de úmero e estatura.

A avaliação física durante a pré-temporada é um trabalho muito importante do departamento fisiológico uma vez que possibilita identificar o perfil fisiológico de cada atleta com o objetivo de prevenir lesões e melhorar o desempenho.

sábado, 1 de abril de 2017

Verdade ou mentira? No 1º de abril, fuja das pegadinhas sobre o Leão do Sul!

Todo 1º de abril, dia da mentira, é aquela mesma coisa: a atenção deve estar redobrada para não cair nas pegadinhas e nas notícias falsas que vez ou outra insistem em circular para pregar peças. Pensando nisso, o Blog do Barra Mansa aproveitou para criar um "quiz" e testar o conhecimento do torcedor do Barra Mansa Futebol Clube. Selecionamos frases sobre fatos recentes e históricos e lançamos a dúvida: é verdade ou mentira? Você consegue responder?

1. O Barra Mansa conquistou em campo duas vezes o acesso à elite do campeonato Carioca?

2. O Barra Mansa foi oficialmente fundado em 1908?

3. O camisa 10 da Seleção Brasileira na Copa de 1950, no Brasil, jogou no Barra Mansa quando mais jovem?

4. O Barra Mansa foi duas vezes campeão da elite do estado do Rio de Janeiro de Profissionais?

5. O primeiro uniforme da história do Barra Mansa já era azul? 

6. O Barra Mansa é, de fato, o primeiro clube de futebol do Brasil a se profissionalizar? 

# Clique aqui para ver as repostas

Visando Série B1, Barra Mansa vence Guarani/VR em jogo-treino

Neste sábado (1º de abril), o Barra Mansa Futebol Clube realizou o seu segundo jogo-treino visando observar atletas para a formação do elenco para a disputa da Série B1 do Campeonato Carioca.

O adversário foi o Guarani, de Volta Redonda, que vem pretendendo disputar a Série C do Campeonato Carioca. O Leão do Sul soube aproveitar melhor as oportunidades que teve e saiu vencedor da partida (1 a 0), com gol do artilheiro Kaike.

"Fizemos bastante observações. Tem atletas em avaliações" - esclareceu Luiz Fernando Irala, que tem realizado as atividades para a formação do elenco para este ano.